“É a nossa luz, não nossa escuridão que mais nos assusta.

Nosso medo mais profundo não é de sermos inadequados.

Nosso medo mais profundo é de sermos poderosos além da medida,

Mas brincar de ser pequeno não serve ao mundo.”

Coach Carter

quarta-feira, 29 de março de 2017

me desculpe

Não é como você me ama e nem como me despreza.
Não é como você me toca e nem como some.
Não é como você me liga e nem como tira o telefone do gancho.

Existe algo quebrado dentro de mim.
Existe algo morto em mim.

Não é como você diz meu nome e nem como me xinga.
Não é como você geme e nem como broxa.
Não é como você precisa de mim e nem como se vira.
Não é como seu pai me adora e nem como sua mãe me odeia.

Existe algo quebrado dentro de mim.
Existe algo morto em mim. 

Não é o perfume que você usa e nem o suor que exala.
Não é seu rosto lindo e angelical e nem seu hálito ao acordar.
Não é seu sorriso ao me ver e nem suas lágrimas ao me afastar.
Não é o que você tem e nem o que te falta.

O problema, baby, é que existe algo quebrado aqui dentro.
E você não pode consertar.
O problema, baby, é que existe algo morto aqui dentro.
E você não pode reviver.

De todos os seus defeitos o único que pesa é não ser ela.
De todas as suas qualidades a única que importa é ainda não ter ido embora.

Mas agora, sou eu quem vou porque
Existe algo quebrado aqui dentro.
Existe algo morto aqui dentro.
E não há nada a ser feito sobre isso. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário